Como colecionar obras de arte em casa?

Estar rodeado de belas artes é um luxo. Escolher estas artes para decorar sua casa e ter uma coleção delas é um diferencial.

O universo dos colecionadores de obras de arte pode parecer complexo e intimidador para quem não faz parte deste mundo. Mas nada é o que parece. Começar uma coleção pode ser mais simples do que você imagina, e seu ponto de partida são as feiras de arte.

Diferentemente das exposições de arte, na feira os espaços são abertos e o atendimento é igualitário para todos os apreciadores. Membro do comitê de seleção da ArtRio e galerista da Galeria Pinakotheke, Max Perlingeiro esclarece as principais dúvidas de quem nunca comprou uma obra de arte mas quer começar a sua coleção.

Por onde começar? Visitando feiras de artes.
Lá é possível encontrar uma grande variedade de obras que são divididas por setores, o que facilita uma melhor compreensão: mercado primário, mercado secundário, projetos especiais e design.

Como escolher a obra certa para começar uma coleção?
As obras variam muito a faixa de valor. Geralmente a de mercado primário são as mais acessíveis, mas se você pretende investir em obras caras, a do mercado secundário são as ideais. 

Pergunte sobre tudo.
Não fique com nenhuma dúvida. Tire suas dúvidas sobre as obras, sobre valores, cuidados especiais para sua conservação, logística de recebimento, etc. Caso você tenha interesse em obras que não estão expostas no estande, também é válido perguntar sobre artistas ou obras específicas.

Conheça novos artistas.
Antes de se tornarem mundialmente conhecidos, jovens artistas expõem seus incríveis trabalhos em pequenas galerias e nas feiras. Fique atento às obras destes novos criadores.