4 espaços de cultura imperdíveis em Caxias do Sul

Caxias do Sul é conhecida pela cultura italiana, que se faz presente na forma de trabalhar, no estilo de vida dos moradores e na famosa e deliciosa gastronomia. Porém, isso não é tudo: a segunda maior cidade do Rio Grande do Sul conta com diversas opções culturais. Pensando nisso, a Censi Fisa traz para você 4 imperdíveis espaços de cultura em Caxias do Sul. Acompanhe!

Casa da Cultura 

Foto: Antonio Lorenzett

Como não poderia deixar de ser, a nossa primeira dica é a Casa da Cultura de Caxias do Sul. Inaugurado em 1982, o espaço reúne o Teatro Municipal Pedro Parenti, a Galeria Municipal de Arte Gerd Bornheim e a Biblioteca Pública Municipal — ou seja, arte de todas as formas.

O nosso destaque é para a Galeria Gerd Bornheim, que mensalmente apresenta exposições de artistas de Caxias do Sul e de outros municípios do Rio Grande do Sul. Com mais de 170m², a galeria expõe trabalhos com as mais diversas técnicas: pinturas, aquarelas, xilogravuras, fotografias, esculturas, entre outros. A visita vale a pena!

Endereço: Rua Doutor Montaury, nº 1.333 (primeiro andar da Casa da Cultura).

Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h; aos sábados, das 10h às 16h. 

Centro de Cultura Ordovás

Foto: Mateus Argenta

O Centro Municipal de Cultura Dr. Henrique Ordovás Filho é um espaço cultural que também reúne diversas formas de arte. Em suas instalações, há a sala de cinema Ulysses Geremia, que exibe filmes alternativos; a sala de teatro Professor Valentim Lazzarotto, referência na cidade quando o assunto é drama hipster; a galeria de arte e o Zarabatana Café. Em outras palavras, o local é ideal para quem busca arte conceitual em Caxias do Sul.

Endereço: Rua Luiz Antunes, nº 312 – Bairro Panazzolo.

Horário de visitação: de segunda a sexta, das 9h às 22h; nos finais de semana, das 16h às 22h. 

Instituto Samba

Foto: Reprodução/Facebook

Para quem busca obras nacionais, a nossa indicação é o incrível Instituto Samba. O espaço cultural é, na verdade, uma associação civil sem fins lucrativos que promove, desde julho de 2018, ações em prol da cultura e da arte popular brasileira, além da defesa e conservação do patrimônio histórico, artístico e ambiental. Nele, é possível ver exposições de artistas brasileiros, os quais mostram seus olhares sobre suas realidades locais ou de viagens internacionais.

A sua sede é uma construção da década de 1970 realizada pelo casal Sady e Zóla De Carli e foi revitalizada pela neta dos proprietários, a arquiteta Jéssica De Carli. Com o estabelecimento do Instituto Samba, a residência traz ao público um acervo dedicado a arte brasileira, especificamente às artes populares. Imperdível!

Endereço: Rua Hércules Galló, nº 620 – Centro.

Horário de visitação: de segunda a sexta, das 9h às 17h.

Museu Municipal 

A última dica é a mais tradicional de Caxias do Sul. Afinal, apesar de ter sido criado no final dos anos 1940, o prédio do Museu Municipal é ainda mais antigo. Erguido em 1884, fora construído para ser a residência da família Morandi-Otolini. Atualmente, o local sedia toda a parte administrativa da Divisão de Museus Municipais, como o Museu da Uva e do Vinho, o Memorial Atelier Zambelli, Museu Ambiência Casa de Pedra, Monumento Nacional ao Imigrante, além de, claro, ser a base do Museu Municipal de Caxias do Sul.

O acervo abrange toda a história e etnografia da cidade, desde a relevante presença indígena no território até o processo de colonização desencadeado após a chegada dos europeus no final do século XIX. Na exposição, encontram-se aspectos da cultura local, a exemplo do artesanato, da gastronomia e do lazer, bem como a representação do comércio e da indústria metalúrgica, além da devoção religiosa dos imigrantes italianos.

Para quem quiser se aprofundar na história de Caxias, esse museu é perfeito. Fica aberto ao público na Rua Visconde de Pelotas, nº 586, no centro da cidade. Recebe visitas de terça a sexta-feira, das 9h às 17h; aos sábados, das 11h às 17h.

Esses foram só alguns dos melhores espaços culturais que Caxias do Sul oferece. Você tem mais alguma dica? Compartilhe conosco nos comentários. A Censi Fisa trabalha diariamente com luxo, arquitetura e arte, e inspiração nunca é demais, não é mesmo?